quinta-feira, março 12, 2009

Nas Terras do Rei Leão!

.
.
.
Girafas na chuva
Foto: © Daniel De Granville, 2009


A introdução ao meu primeiro safári na África não poderia ter sido mais didática. Contemplando a paisagem da savana pela janela do nosso ônibus, ainda antes de chegar no Parque Nacional de Pilanesberg, situado na cratera de um vulcão extinto, a guia local me dá as dicas:

“Durante o safári você deve orientar os clientes a não colocarem o corpo para fora do veículo e nem fazerem muito barulho, pois isto...”

Lembrando dos passeios no Pantanal, eu concluí a frase mentalmente e já ia dizer “pode espantar os bichos e eles fugirão”, mas ela foi mais rápida e completou:

“... pode estimular os animais a atacarem o veículo”
.

Bem vindo à África!

Nosso passeio começou por uma paisagem que, caso eu mostrasse apenas as fotos, sem legendas nem bichos, o observador menos atento poderia garantir que era nosso Cerrado. Mas a cena que se seguiu confirmou que estávamos em um lugar muito diferente.

Savana Africana: qualquer semelhança com o Cerrado
não é mera coincidência
Foto: © Daniel De Granville, 2009


Poucos minutos após sairmos da pousada, o tempo começou a fechar e nosso temor de chuva se confirmou, com direito a uma intensa tempestade de granizo. Mesmo assim decidimos continuar, afinal não é todo dia que se pode ir à África... Alguns quilômetros adiante, vimos que outros veículos do safári tinham parado e começado a andar de ré. Imaginamos que havia algo interessante na beira da estrada e vimos nosso guia falando algo no rádio, para em seguida começar a recuar também. Só então percebemos que um elefante avançava em nossa direção e não parecia disposto a mudar de rumo. Continuamos neste ritmo de recuar e parar o carro, até que o bichão decidiu sair da pista e seguir seu caminho, entrando na savana e começando a devorar despreocupadamente as folhas de uma árvore.

Abram caminho pro elefante!
Foto: © Daniel De Granville, 2009


Depois disto vieram gnus, impalas, chacais, rinocerontes, hipopótamos, zebras. O começo da noite foi brindado com um bando de 10 leoas subindo o morro para caçar. Iluminados pelo farolete, seus 20 olhos brilhavam de forma semelhante aos jacarés no Pantanal. Inesquecível. Bem vindo à África, até a próxima!

Leão em momento de preguiça
Foto: © Daniel De Granville, 2009

.
.
.

2 comentários:

  1. Mariana11:28

    Parabéns fotografo!!!
    Quero mais fotos!
    Obrigada pela força durante a viagem! Contarei com você nas próximas...
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Marcelo09:28

    Que fotos!!!
    Tive o prazer de ser guiado por este cara muito bacana, e excelente fotografo.
    Valeu Daniel.

    ResponderExcluir