terça-feira, novembro 28, 2006

Você Tem Fome de Quê?

.
.
. Não deixe de provar nossa deliciosa torta de limão...
FOTO © Daniel De Granville, 2006



Ultimamente tenho recebido pedidos para fotografar algo inédito para mim: alimentos como sucos, porções e pratos de restaurantes – e confesso que estou me “divertindo” bastante com o novo desafio! É totalmente diferente de fotografar bichos e paisagens no meio do mato. Toda a logística de luz, composição, equipamentos utilizados é outra.

"Ok, você venceu: batata frita!"
FOTO © Daniel De Granville, 2006



A iluminação fica 100% sob meu controle, já que as fotos são feitas em estúdio. Assim, não há necessidade de madrugar para estar no local da fotografia antes que a melhor luz apareça, como acontece na natureza. Pelo contrário, geralmente o trabalho começa mais tarde do que o habitual, pois os alimentos têm que ser preparados na hora, para manterem o aspecto saudável e de frescor.

Para a sobremesa, bolo Floresta Negra
FOTO © Daniel De Granville, 2006



Mas não dá pra dizer que é um serviço tranqüilo: tem que trabalhar muito rápido para garantir que o sorvete não derreta, o suco não separe em duas partes (polpa e água), a pizza não esfrie e fique com aspecto de ressecada. Isto é especialmente importante considerando que a iluminação de estúdio gera muito calor. E, ao mesmo tempo, tem que garantir detalhes como a composição ideal para tornar a foto apetitosa, a limpeza da borda do copo evitando respingos, a remoção de manchas nos pratos, pois se não cuidar essas coisas acabam estragando a fotografia.

Mas o melhor de tudo, sem dúvida, é poder saborear todas essas guloseimas após elas terem sido fotografadas!

"Aquela" torta lá de cima, antes de ser cortada
FOTO © Daniel De Granville, 2006


Um comentário:

  1. Tietta10:37

    Não sei o que é mais difícil, se embrenhar no mato pra fotografar natureza ou resistir à tentação de se acabar com estes doces deliciosos que você fotografou!!!

    ResponderExcluir